A Máquina Ser Humano

(O «ser humano» comum não tem interesse neste livro.

O «ser humano» comum não tem interesse nos temas existenciais.

O «ser humano» comum é condicionado.

O «Ser humano» comum é escravo dos seus próprios condicionamentos, da sua própria mecanicidade.

A mecanicidade é o resultado de milénios de condicionamentos.

O «ser humano» comum é uma máquina egocentrista, insensível, violenta e desfragmentada.

É um facto incontestável.)

 

(O que será do «homem» sem a existência de um «eu psicológico»?

O que será da «humanidade» quando descobrir que toda a sua existência está baseada em fatos equivocados?

É bastante simples.

Toda a sua existência cairá em colapso.

E depois?

O que será do «homem» - animal inteletual, sem as ideias «eu» e «progresso»?

É bastante simples.

Comecará do radical (0) e totalmente desprogramado.

E só depois, a evolução será possível.

E só depois, será desvelado o princípio luminoso.

E com o fim do «homem» atual, nascerá o super homem - a supra consciência.)